Santa Tatiana de Roma

Tambem conhecida como Santa Thaciana de Roma

 Em grego Santa Tânia.

 Ela é venerada no Leste junto com Santa Euthasia e São Mertios e é dito que eram diáconos, e ela foi martirizada durante  as perseguições do Imperador Alexandre Severus. (222-235).Os “Atos” de seu martírio que são fabulosos,   muito parece com o das Santas Martina e Prisca (conhecida no Ocidente como Santa Priscila).
Alguns estudiosos teem sugerido que as três poderiam ser a mesma pessoa.

Ao ser torturada com longos garfos, de seu corpo jorravam leite e rosas em vez de sangue e vários dos presentes foram convertidos por este milagre.

Na arte litúrgica da Igreja Santa Tatiana é representada em seu martírio,onde ela é lançada aos leões famintos no anfiteatro de Roma.

Ela foi terrivelmente martirizada, e como não renegasse a sua fé foi depois lançada as feras, mas os dois leões deitaram a seus pés. O procônsul encarregado do martírio, furioso, mandou decapita-la. Isto ocorreu em 230DC.

Segundo o historiador Euzébius centenas dos presentes se converteram com este milagre.

Ela é muito venerada na Igreja Oriental, em especial na Rússia como Santa Tatiana e na Grécia com Santa Tânia. 

Suas relíquias foram descobertas no dia 25 de outubro de 1634 em uma cripta perto da prisão de Mamertine, em Roma durante as escavações para a construção de uma igreja projetada pelo Papa Urbano VIII.

Ela é mostrada tambem como uma virgem com um leão, ou tambem sendo decapitada pela espada ou sendo martirizada com um longo garfo ou recebendo a palma do martírio da Virgem e de Jesus.

Ela é uma das padroeiras da cidade de Roma.

Sua festa é celebrada no dia 12 de janeiro

Na Igreja Grega sua festa é celebrada no dia 30 de janeiro.

 Pin.gif (5862 bytes)