São João Capistrano

 

Ele nasceu em Capistrano, Itália  em 1386, estudou leis e  tornou-se governador de Peruvia, Itália em 1412. Casado, obteve uma dispensa especial  e tornou-se monge franciscano em 1416 e um grande amigo e aluno de São Bernardino de Siena. Ele foi ordenado em 1420. Após uma carreira notável como franciscano João foi convidado a ser o legado papal na Palestina, Milão, Sicília, Áustria, Bavária, Polônia, Bohemia e Silésia  para combater os "hussites" (seguidores de Jan Hus).

João encarava esses homens e mulheres como hereges e com implacável hostilidade, e seus métodos eram tão obstinados que ele às vezes foi reprovado.
(Tão grande era a revolta dos protestantes a veemência de João, que mais tarde,  em 1526, os Calvinistas jogaram suas relíquias em um poço.

Quando os turcos capturaram Constantinopla, (hoje Istambul), a capital do Império Bizantino em 1453, João se devotou  a uma incansável cruzada contra os Otomanos que estavam  avançando sobre os Balcãs.

João conseguiu uma audiência com o General Janos Hunyadi. Hunyadi inspirado pelo santo reuniu os húngaros que resistiram aos turcos e ele pessoalmente comandou uma ala do exercito cristão na batalha de Belgrado em 1456. A vitória de Belgrado  salvou a Europa de ser conquistada pelos turcos.

Na arte Litúrgica da Igreja ele é representado como  um franciscano apontando um crucifixo que ele segura; ou 2) com um crucifixo e uma lança; ou 3) pisando em um turbante; ou 4) pregando com anjos e um rosário e o emblema IHS  acima dele; ou 5) com a bandeira com a cruz em seu peito.

Ele morreu em 23 de outubro de 1456 em Vilach, Áustria de uma praga que varreu a região. São João Capistrano foi canonizado em 1724.

 

Sua festa é celebrada no dia 23 de outubro.