Santa Juliana de Cornillon

tambem conhecida como Santa Juliana de Liege.

 Nasceu em Retinnes, Flanders . Ficou órfã com a idade de 5 anos e ela e sua irma Agnes foram criadas pelas irmãs no convento de Monte Cornillon. Juliana leu os trabalhos de Santo Agostinho e São Bernardo enquanto ainda jovem e decidiu tornar-se uma freira agustiniana em Liége em 1206. Trabalhou com os doentes em um hospital do convento. Mais tarde, em 1225,foi nomeada Madre Superiora do Convento de Monte Cornillon.

Certo dia ela passou a receber visões de Jesus e Ele apontava que não havia festas em honra do Sagrado Sacramento. Baseada nisto ela defendeu criação de uma festa que mais tarde se tornou a festa de Corpus Christi. As mensagens que ela recebia fez com que ela fosse acusada de visionária e de não dar a devida atenção os fundos do hospital. Uma investigação do bispo a exonerou e ela retornou a sua antiga posição e introduziu a festa de Corpus Christi em Liége em 1246.

Com a morte do bispo em 1248 Juliana voltou de novo ao Convento do Monte Cornillon, um convento de freiras cisterciense até que ele foi queimado por Henrique II de Luxemburgo.

Ela foi amiga de Eva de Liége com a qual trabalhou para a aceitação da nova festa. O ofício da nova festa foi mais tarde escrito por São Tomaz de Aquino e sancionado para toda a Igreja, pelo Papa Urbano IV em 1264.

A festa tornou-se obrigatória para toda a Igreja Católica Romana em 1312

Ela morreu em 5 de abril de 1258 de causas naturais e foi enterrada em Villiers. Beatificada em 1869 pelo Papa Pio IX.

Sua festa é celebrada do no dia 6 de abril

SJulianaLiége.jpg (6485 bytes)Pin.gif (5870 bytes)Voltar.jpg (1259 bytes)